Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Uma mulher com sorte.

"Não subestimes as capacidades de um Destino irónico..."

Uma mulher com sorte.

"Não subestimes as capacidades de um Destino irónico..."

...

por Inês, em 08.08.15

tumblr_lcp0smcijx1qazj2jo1_400_large.jpg

Perdes-te quando deixas de acreditar. 

Só os que acreditam um dia chegam longe. Ou perto, se for essa a sua vontade.

Mas chegam sempre a algum lado.

Não importa a distância ou o tamanho dos teus sonhos, conta sim a tua vontade de os alcançar.

Ás vezes não sabes isso. Ás vezes também não sabes o que queres.

O que é que queres?

Talvez esperes pelo momento certo, e esqueces-te que existem por aí muitas coisas que precisam do momento errado para acontecerem.

Perdes-te quando deixas de acreditar, e normalmente deixas de acreditar quando te perdes.

Perder desorienta. Confunde. Atrapalha.Desilude. Desespera. 

Perder desacredita.

Desacreditas-te.

Perder é falhar, às vezes é.

Perdes, e desconfias de ti. Duvidas de ti, e duvidas de tudo.

Mas, já dizia o outro, só percebes que perdeste depois de ter perdido. E, esta digo eu, nunca ninguém se encontrou sem antes ter falhado. E perder é falhar, às vezes é.

Por isso, ou por outra coisa qualquer se quiseres, falha, erra, desacerta. Perde. Mas, por favor, não te percas de ti mesmo.

 

 

 

2 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D

Favoritos